Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

img-prog-falecast
No comando: Falecast

Das as

BALANÇO: Cruzeiro opta por elenco de peso, enquanto Atlético prioriza menor preço

Compartilhe:
Cruzeiro opta por elenco de peso, enquanto Atlético prioriza menor preço

Raposa investe em jogadores badalados, já Atlético aposta em jogadores mais baratos

Por Gustavo Souza

 

No dia 23 de dezembro de 2017, o Cruzeiro anunciava muito mais do que a contratação do atacante Fred. Com a volta do camisa nove à Toca, a Raposa deixava claro a postura agressiva que adotaria no mercado, diferentemente do Atlético, que ao reincidir o contrato com o atacante, dava início a montagem de um elenco mais “modesto” para 2018.

Wagner Pires de Sá investiu pesado na montagem do elenco azul. (Foto: Marcos Vieira/EM)

Wagner Pires de Sá investiu pesado na montagem do elenco azul. (Foto: Marcos Vieira/EM)

Cruzeiro

Com vaga assegurada à fase de grupos da Copa Libertadores, e alicerçado por patrocinadores, a contratação de Fred foi só o primeiro grande passo da nova diretoria estrelada. Em menos de um mês à frente do clube, os dirigentes investiram aproximadamente R$ 23 milhões nas contratações do camisa nove, dos laterais-esquerdo Egídio e Marcelo Hermes, do lateral-direito Edílson, dos meias Mancuello e Bruno Silva e do atacante David. Esse alto valor ainda pode crescer, pois, possivelmente, o Cruzeiro terá que pagar a “multa” de R$ 10 milhões referente à contratação de Fred – o caso está sendo analisado pelo setor jurídico do clube.

 

Principal contratação da Raposa, Fred deve estrear nesta quarta, contra o Tupi. (Foto: Divulgação Cruzeiro)

Principal contratação da Raposa, Fred deve estrear nesta quarta, contra o Tupi. (Foto: Divulgação Cruzeiro)

Logicamente, com o alto investimento e com a manutenção do técnico Mano Menezes, a confiança em uma boa temporada é unanimidade entre os torcedores azuis. A própria diretoria adota esse discurso de confiança, que é importante, mas deve ser controlado para não gerar uma pressão exacerbada sobre os jogadores.

“O objetivo é um passo à frente da Libertadores, é ganhar ela e ir atrás do Mundial, trazer essa taça. Temos que pensar grande. Porque pensar grande e pequeno, o esforço é o mesmo. Então vamos pensar grande”, afirmou Wagner Pires, durante a missa de celebração dos 97 anos da Raposa, realizada no dia 2 de janeiro.

Vale lembrar, que um discurso bem semelhante foi adotado pelo ex-presidente do Atlético, Daniel Nepomuceno, na última temporada, e que os resultados não foram positivos para a equipe alvinegra.

 

Atlético

No Atlético, a postura da nova diretoria é diferente em relação à da gestão anterior. Visando a redução da folha salarial, importantes jogadores como Robinho, Fred e Marcos Rocha não permaneceram na Cidade do Galo. Não bastasse a saída desses medalhões, o clube reforçou o elenco com jogadores mais baratos e jovens, oferecendo ao técnico Oswaldo de Oliveira atletas “promissores”. Neste perfil, ganham destaque os atacantes Erik e Roger Guedes e o zagueiro Maidana.

Mesmo os mais experientes Ricardo Oliveira – 37 anos – e Arouca – 31 anos –  chegaram ao Atlético para receber salários inferiores aos que eram pagos a medalhões em temporadas passadas, adequando-se, assim, a nova política alvinegra.

 

Novo presidente do Atlético, Sérgio Sette Câmara montou uma equipe mais “barata” para a temporada (Foto: Bruno Cantini/ Atlético Mineiro)

Novo presidente do Atlético, Sérgio Sette Câmara montou uma equipe mais “barata” para a temporada (Foto: Bruno Cantini/ Atlético Mineiro)

Esse novo perfil de elenco, bastante diferente em relação aos montados em temporadas anteriores, vai, sem dúvidas, demandar mais paciência da torcida alvinegra, que se acostumou com jogadores tarimbados dentro de campo. Desafio para o técnico Oswaldo de Oliveira – mantido no comando da equipe – que terá como a grande missão transformar esse elenco menos badalado em uma equipe vencedora.

Envolvido na negociação com Marcos Rocha, Roger Guedes é uma das principais esperanças da torcida atleticana (Foto: Divulgação Atlético)

Envolvido na negociação com Marcos Rocha, Roger Guedes é uma das principais esperanças da torcida atleticana (Foto: Divulgação Atlético)

 

Deixe seu comentário:

Curta nossa página no Facebook